POR QUE SER AUXILIADO PELO CEJUSC JT?

Prezadas advogadas e advogados, O CEJUSC-JT, unidade Ribeirão Preto, tem a honra de convidá-lo (a) a conhecer e participar do pioneiro programa “Advogado Pacificador”, cujo objetivo é fortalecer os laços entre a advocacia e os Centros de Solução de Conflitos da Justiça do Trabalho.

O advogado moderno deve ser versátil, conhecer os distintos métodos de atuação e oscilar, inteligentemente, as estratégias. A Justiça moderna deve estimular e viabilizar essa versatilidade de modo efetivo e célere. Assim, convidamos à leitura do informativo anexo, o qual resume informações relevantes para a decisão entre litigar ou conciliar, além de argumentos úteis à conscientização das partes quanto à tal decisão, caso a caso, e como proceder para a solicitação de pauta ao CEJUSC.

Informamos ainda que o CEJUSC-JT criou recentemente mais um canal de comunicação: a conta @cejuscjt no instagran, onde diversos materiais de cunho informativo serão veiculados. A próxima campanha abordará a ação de homologação de acordo extrajudicial. Fique de olho!!! Por fim, cabe frisar que reconhecemos quem conhece sua própria missão e em breve esperamos comunicar a inclusão neste programa do prêmio “Advogado Pacificador” , um singelo reconhecimento do Judiciário aos profissionais de destaque nesse novo e essencial nicho de atuação. Aguardem!” Nosso respeitoso abraço!

Amanda Barbosa, Juíza do Trabalho Coordenadora do CEJUSC-RP e equipe.
Contato: ([email protected])

POR QUE SER AUXILIADO PELO CEJUSC JT?

Benefícios para a empresa:

  • Custo de manutenção de um processo trabalhista (prepostos, advogados, peritos, assistentes etc.);
  • Depósitos feitos no processo são “atualizados” pelos índices de poupança (art. 899, §4º da CLT) e a dívida trabalhista, além dos juros de 1% ao mês a contar do ajuizamento da ação, deve ser atualizada pelo IPCA, bem superior à poupança;
  • Possibilidade legal de redução do impacto fiscal (maior flexibilidade na discriminação das verbas como indenizatórias e respectiva isenção);
  • Administração inteligente do passivo e dos recursos, por exemplo, pelo parcelamento do débito;
  • Imagem social da empresa (Litigante/grande devedora versus não litigante/baixo passivo);
  • Atenção! Não é o acordo que cria precedente.

 

Benefícios para o trabalhador:

  • Solução em tempo abreviado e com data certa;
  • Controle sobre o resultado da ação e diluição dos seus riscos.

 

Benefícios para os advogados:

  • Otimização, recebimento em tempo abreviado, atendendo às despesas ordinárias dos escritórios e próprias;
  • Satisfação dos clientes com a solução rápida e menos desgastante.

Benefícios para todos:

  • Exercício de cidadania e responsabilidade social; restabelecimento de relações, minimização do desgaste emocional com o conflito, colaboração para a efetividade do Sistema de Justiça;
  • Atendimento humanizado por profissionais capacitados para o auxílio na negociação;
  • Possibilidade de atendimento em pautas temáticas, favoráveis à gestão global das ações, com economia de tempo e de despesas de deslocamento (partes, prepostos e advogados)

 

O QUE O CEJUSC JT ESPERA DAS PARTES E ADVOGADOS?

  • Estudo dos processos e participação colaborativa (comunicação adequada, urbanidade), disponibilidade de tempo, flexibilidade, negociadores preparados e comprometidos com a construção da solução adequada ao caso;
  • Negociação em valores condizentes com as matérias envolvidas e a situação processual;
  • Respeito às normas de ordem pública.

 

COMO SOLICITAR PAUTA?

  • Estudar processos, esclarecer e motivar os clientes, selecionar os processos da circunscrição/região de Ribeirão Preto, e enviar lista para [email protected].

Dúvidas poderão ser esclarecidas pelo mesmo e-mail.

Os comentários estão encerrados.

Portal da Transparência