Subseção aderiu à campanha Outubro Rosa na prevenção do câncer de mama

Subseção foi uma das vanguardas democráticas no pleito de 2016
20 de setembro de 2016
Cãominhada atrai mais de 400 pessoas e seus animais, deixando a Casa da Advocacia pequena
10 de outubro de 2016

Subseção aderiu à campanha Outubro Rosa na prevenção do câncer de mama

outubro rosa

A 12ª. Subseção da OAB SP  aderiu mais uma vez à campanha Outubro Rosa, que prossegue até o dia 31. Durante o mês, a fachada da Casa da Advocacia em Ribeirão Preto será iluminada para chamar a atenção da sociedade quanto aos riscos do câncer de mama.

A iniciativa partiu da Comissão da Mulher Advogada (COMAD). A meta da campanha é alertar as mulheres, quanto aos fatores de risco, pois a prevenção é o caminho para diminuir os altos índices de mortes causadas pelo câncer de mama, que é o mais incidente na população feminina mundial e brasileira.

Índice elevado demonstra a importância da campanha

O Instituto Nacional de Câncer estima que devem diagnosticados 57.120 novos casos de câncer de mama no Brasil com um risco estimado de 56,09 casos a cada 100 mil mulheres, um alto índice que demonstra a importância da promoção e prevenção da doença.

Histórico

O câncer de mama é caracterizado pelo crescimento descontrolado de células da mama que adquiriram características anormais (células produtoras de leite, ou dos ductos, por onde é drenado o leite). São anormalidades causadas por uma ou mais mutações no material genético da célula.  A doença ocorre quase que exclusivamente em mulheres, mas os homens também podem ter câncer de mama. Especialistas informaram que o sintoma mais comum de câncer de mama é o aparecimento de nódulo, geralmente indolor, duro e irregular, mas há tumores que são de consistência branda, globosos e bem definidos. Outros sinais de câncer de mama são edema cutâneo semelhante à casca de laranja; retração cutânea; dor, inversão do mamilo, hiperemia, descamação ou ulceração do mamilo; e secreção papilar, especialmente quando é unilateral e espontânea. A secreção associada ao câncer geralmente é transparente, podendo ser rosada ou avermelhada devido à presença de glóbulos vermelhos. Podem também surgir linfonodos palpáveis na axila.

Os comentários estão encerrados.